A sua cidade interdita…

Ao nível da rua, a arquitetura, as lojas, a arte urbana e as pessoas despertam, muitas vezes, a sua atenção. São estes aspetos que tornam uma cidade tão vibrante, mas sob os nossos pés, fora dos caminhos conhecidos e não visíveis nos mapas, existe um mundo secreto que nunca soube que existia, à espera de ser explorado. Uma selva urbana, repleta de pérolas ocultas, abandonadas e decadentes, já esquecidas, mas ainda cheias de vida e de histórias fascinantes.

Para inspirá-lo a abraçar a exploração urbana na sua cidade, a Canon falou com seis fotógrafos de urbex dos quatro cantos da Europa, Alina Rudya, Holly-Marie Cato, Nicanor Garcia, Ivo Kaijser, Alistair Wheeler e Riccardo Zanutto, para organizar um guia sobre como fazer exploração urbana. As informações que se seguem fornecem dicas de primeira qualidade para a descoberta de locais interditos, sugestões úteis para captar cenas urbex a partir de perspetivas únicas, bem como conselhos sobre o kit essencial para começar a explorar.

A exploração urbana conjuga a arte e a aventura da procura, com a captura de locais abandonados ocultos por trás das cenas das cidades. Desde estações de metro abandonadas até fábricas desativadas, estes locais fascinantes oferecem uma perspetiva completamente nova sobre as cidades, tal como as conhecemos.

Nos últimos anos, a tendência da urbex explodiu a um ritmo acelerado e foi crescendo entre os entusiastas da aventura, que trouxeram as atividades ao ar livre do mundo rural para a paisagem urbana. A fotografia está no centro da urbex e é utilizada para documentar, celebrar e partilhar estes mundos ocultos antes que se desmoronem sem serem notados.

Túnel do metro de Paris

Crédito da foto: Nicanor García

Local abandonado em Roterdão

Excelentes sugestões para a urbex

Antes de embarcar em aventuras de urbex, invista algum tempo a planear o que quer ver. A Internet é um excelente ponto de partida para a investigação e identificação de potenciais locais e espaços. Além disso, considere pedir a amigos e outros instagrammers locais de urbex que aconselhem a visitar, para reunir a maior inspiração possível. Assim que tiver decidido os locais a visitar, não se esqueça de identificar as moradas exatas e solicitar as autorizações necessárias para entrar.

Quando chegar aos locais de urbex, invista algum tempo a traçar a sua rota, de forma a garantir que tira o maior partido possível da experiência no espaço. Procure detalhes que o ajudem a reunir a história do local, desde papéis do chão, a inscrições nas paredes ou itens que foram deixados para trás. Cada espaço tem uma história para contar, e cabe-lhe a si descobri-la.

Por último, não se esqueça da câmara. Vai querer captar todos os detalhes incríveis e documentar a sua viagem urbex desde o momento em que chega até ao momento em que sai. Poderá contar a sua história através de fotografias de portas, túneis e escadas em espiral, bem como de pequenos detalhes, como graffiti, tinta descascada e mobiliário decadente ou objetos esquecidos.

O que levar?

Câmara – Documente as suas aventuras de urbex do princípio ao fim, captando todos os detalhes explorados para partilhar e preservar

Gorilla Pod – Muitas vezes, os locais urbex estão abandonados e mal iluminados. Assim, um tripé flexível é fundamental para conseguir tirar fotografias nítidas em pequenos espaços

Garrafa de água – Durante uma exploração, é fácil perdermo-nos no momento, mas é importante não esquecer a hidratação

Calçado confortável – Use calçado confortável que lhe permita explorar livremente e sentir as diferentes texturas debaixo dos pés

Lanterna – Uma lanterna pequena, mas potente, pode ser usada para iluminar as fotografias e ajudar a explorar os locais mais escuros

O que levar na exploração e fotografia urbana

Exploração urbana em Madrid

Regras da urbex...

Informações sobre o produto

Durante as suas aventuras de urbex, experimente as seguintes câmaras para captar cenas destinadas a guardar, partilhar e inspirar outras pessoas:

Sente-se inspirado? Partilhe as suas fotografias

Se o que foi escrito acima o inspirou a explorar, por que não partilhar os seus próprios locais e experiências fora dos limites através da nossa Galeria? Além de permitir que o mundo conheça o seu trabalho, pode ver e gostar de fotografias de outros amantes de fotografia e experimentar o nosso desafio fotográfico mensal.