carousel at night

Capte detalhes deslumbrantes, mesmo com pouca luz

O crepúsculo e o anoitecer são momentos mágicos. São os momentos em que decorrem os festivais, o espírito da cidade muda e as oportunidades fotográficas abundam. No entanto, captar detalhes com uma luz escassa pode ser desafiador, especialmente se estiver a utilizar a câmara do seu smartphone.

Em situações de pouca luz, as definições manuais de uma DSLR, de uma câmara sem espelho ou de uma câmara compacta avançada ajudam-no a obter fotografias nítidas e detalhadas que, de outra forma, seriam difíceis de conseguir.

Use uma grande abertura (número f baixo) para captar imagens mais nítidas

Se tiver uma câmara com definições manuais, pode controlar a abertura da sua câmara (é chamado de modo "Av" nas câmaras Canon). Este modo indica simplesmente à sua câmara qual a quantidade de luz que deve permitir entrar. Quanto mais luz entrar na sua objetiva, mais rápida pode ser a velocidade do obturador. Uma velocidade de obturador mais elevada aumenta a probabilidade de parar a desfocagem devido ao movimento. Uma boa velocidade do obturador para motivos em movimento é superior a 1/125 de segundo ou mais rápida. Para motivos em condições de pouca luz, tente aproximar-se o mais possível de 1/60 de segundo, dependendo da sua definição de abertura.

Se estiver a fotografar retratos antes do amanhecer ou pretender captar as nuances especiais da cidade ao anoitecer, tente definir a sua abertura para a sua definição mais ampla.

Isso significa escolher o número f mais baixo. Quão baixo pode ser dependerá da objetiva que usar. Muitas objetivas oferecem f/3.5. Outras objetivas conseguem descer até números f mais baixos, tais como f/2.8 ou f/1.4. Um benefício adicional de utilizar uma grande abertura é produzir pouca profundidade de campo, que destaca o seu motivo num fundo desfocado.

Aumente a definição do ISO para uma melhor sensibilidade à luz

Se estiver a utilizar uma definição de abertura ampla mas sentir que falta brilho à sua imagem, tente aumentar a definição do ISO da sua câmara. Isto indica à sua câmara qual a sensibilidade que pretende que o seu sensor tenha à luz. É útil para fotografar à noite sem flash.

Quanto mais elevado for o número ISO, mais sensível à luz será. As DSLR, as câmaras sem espelho e as câmaras compactas avançadas da Canon têm sensores de grandes dimensões (a parte que capta a imagem), por isso produzem fotografias melhores e com ISO mais elevado do que as câmaras com sensores mais pequenos, como as câmaras de smartphone. Tente fotografar a ISO 800 e, em seguida, aumente se necessário. Poderá ver algum "ruído" ou maior granulação da imagem, embora muitas DSLR modernas, câmaras sem espelho e câmaras compactas avançadas são capazes de disparar a ISO 1600 ou 3200 e produzir resultados excelentes.

Experimente o modo de sequência de disparos para ter mais hipóteses de obter fotografias excelentes

O modo de disparo contínuo (também conhecido como modo de sequência de disparos em algumas câmaras) capta uma sequência rápida de imagens em meras frações de segundo. É útil para fotografar um motivo em movimento ou uma ação que decorre numa questão de segundos. Se a sua câmara tiver este modo, ligue-o e experimente-o. Vai aumentar as suas hipóteses de obter a fotografia de ação que pretende em condições de pouca luz.

Analise as suas fotografias para verificar a nitidez

Ao analisar as suas imagens em condições de pouca luz no ecrã LCD da câmara, lembre-se de aumentar o zoom para verificar se os elementos estão realmente tão nítidos como pretende que estejam. As suas fotografias devem ter um aspeto nítido, focado e sem granulado ou desfocagem. Se não estiver convencido de que a impressão ou edição vão apresentar resultados satisfatórios, terá de fotografar novamente. Não há nada que possa fazer depois de regressar a casa de uma sessão fotográfica!