NOÇÕES BÁSICAS DE EDIÇÃO

Melhore os momentos especiais com estas sugestões simples para edição de fotografias

Descubra como fotografar em RAW e editar no Digital Photo Professional da Canon ou no Adobe® Lightroom® o pode ajudar a tirar mais partido das suas fotografias e a mostrar o melhor lado de grandes acontecimentos.
Canon Camera
Como entusiasta da fotografia, provavelmente está habituado a utilizar as definições e as opções da sua câmara para aperfeiçoar a focagem, a exposição e a composição das suas fotografias e poderá rever regularmente as suas fotografias no ecrã LCD da câmara e, depois, voltar a tirá-las com definições ligeiramente diferentes até acertar. Com tanto cuidado ao fotografar, uma imagem diretamente da câmara é muitas vezes suficiente para documentar as suas experiências, mas existem algumas ocasiões especiais que justificam ainda mais atenção. Casamentos, aniversários, festas de aniversário, graduações, os primeiros passos do seu filho… os momentos únicos merecem ser lembrados com a melhor luz possível e é por isso que é importante aprender a editar as suas fotografias. Isto significa que pode corrigir muitos erros, melhorar a composição e o brilho e outros aspetos técnicos, dar um aspeto distinto a todas as suas imagens de um evento e muito mais.

Para lhe dar mais possibilidades ao editar as suas imagens, vale a pena fotografar em RAW, ou seja, definir a sua câmara para guardar as imagens como ficheiros RAW em vez de JPEG quando as tira. Um ficheiro RAW é essencialmente um negativo digital que contém os dados em bruto e não processados do sensor da câmara, a partir do qual pode produzir várias interpretações da imagem. Os JPEG já são processados pela câmara e são fáceis de partilhar diretamente da câmara, mas dão-lhe muito pouco espaço para edição ou correção. Uma forma prática de tirar o melhor partido de ambos os mundos é configurar a sua câmara para guardar RAW e JPEG. Desta forma, obtém uma imagem que pode partilhar facilmente e também um ficheiro RAW que pode melhorar e usar para experiências mais tarde. No entanto, tenha em atenção que irá precisar de mais espaço no seu cartão de memória para que a sua câmara guarde ambas as versões de cada fotografia.

Para criar uma fotografia a partir de um ficheiro RAW, é necessário processá-la. Pode fazê-lo na câmara e até fazer alguns ajustes pelo caminho, ajustando o brilho, corrigindo aberrações da objetiva, aplicando efeitos predefinidos, como vívido ou suave, entre outros. No entanto, faz sentido fazer o processamento no ecrã (muito maior) do seu computador, utilizando software de edição RAW especializado, como o Digital Photo Professional (DPP) da Canon ou o Adobe® Lightroom®. É fácil de fazer e dá-lhe a oportunidade de aplicar um estilo de imagem diferente, equilíbrio de brancos, definição de redução de ruído e muito mais. Quaisquer edições feitas no ficheiro RAW (seja na câmara ou no computador) são não destrutivas, o que significa que o ficheiro original não é afetado e qualquer ajuste pode ser anulado, ajustado ou removido a qualquer momento, mesmo que feche o ficheiro e o reabra mais tarde.

Melhorar a exposição

Uma captura de ecrã do Adobe® Lightroom®, que mostra duas exposições diferentes de uma imagem de uma mulher a aplicar maquilhagem junto a uma janela numa divisão escura.

Os ficheiros RAW têm uma gama dinâmica mais ampla do que os JPEG e podem conter detalhes em sombras e altas-luzes que podem parecer perdidos na câmara. Contudo, iluminar as sombras pode revelar ruído, por isso prepare-se para utilizar a redução de ruído.

Uma captura de ecrã do DPP que mostra uma imagem de uma noiva a preparar-se. As áreas subexpostas são realçadas a azul e as áreas sobre-expostas a vermelho.

Com os avisos de altas-luzes e de sombra ativados no DPP, as áreas claras que correm o risco de sofrer de efeito de recorte têm uma sobreposição vermelha. As áreas que são potencialmente demasiado escuras e, por conseguinte, correm o risco de que os tons de sombra sejam recortados, têm uma sobreposição azul.

A exposição é um aspeto que pode aperfeiçoar ao processar um ficheiro RAW. Embora não consiga alterar a abertura, a velocidade do obturador ou o ISO, pode ajustar o brilho geral, bem como melhorar seletivamente as sombras e as altas-luzes. Isto é particularmente útil quando se trata de editar fotografias de casamento tradicionais tiradas num dia de sol, em que pode ser um desafio captar detalhes no vestido branco brilhante da noiva e no fato escuro do noivo.

Os ficheiros RAW têm uma gama dinâmica mais ampla do que os JPEG, pelo que pode recuperar frequentemente detalhes aparentemente perdidos utilizando os controlos de altas-luzes e de sombra. Estes estão disponíveis como controlos deslizantes independentes no módulo Develop no Lightroom® e na secção de estilos de imagem no DPP. Se estiver a utilizar o DPP, também pode alterar a força do otimizador de iluminação automático, que irá melhorar automaticamente a exposição e o contraste.

Evitar o recorte

Uma captura de ecrã das definições de exposição no DPP a serem aplicadas a uma imagem de um casal de mãos dadas numa costa deserta.

Verifique o histograma à medida que ajusta a exposição, as cores e o contraste no seu software de edição RAW. Se o gráfico estiver encostado à extremidade direita e parecer cortado em vez de diminuir gradualmente, isso indica que partes da imagem serão apresentadas em branco puro. O mais importante é garantir que o motivo tem a exposição correta.

Uma captura de ecrã do Adobe® Lightroom® que mostra a ferramenta Tone Curve a ser utilizada numa imagem de um casal recém-casado em frente a uma cascata.

Use a ferramenta Tone Curve no software para adicionar contraste e fazer a imagem destacar-se. Uma curva em S pouco acentuada é um bom ponto de partida. Pode consegui-lo no Lightroom® (na imagem), aproximando os controlos deslizantes de altas-luzes e luzes para a direita e os controlos deslizantes de escuros e sombras para a esquerda. No DPP, clique e arraste o gráfico para escurecer as sombras e iluminar tons brilhantes.

Quando as áreas de sombra que deveriam conter detalhes de tons subtis se transformam em preto indistinguível ou as áreas brilhantes se desfazem em branco intenso, diz que estão recortadas. Pode ver isto no histograma da imagem na sua câmara ou no seu software de edição RAW: em vez de diminuir gradualmente em qualquer uma das extremidades, a curva do histograma irá parecer cortada. Por isso, fique atento ao histograma à medida que faz ajustes de exposição. Ao mover os controlos deslizantes, o histograma desloca-se para a direita, à medida que a fotografia fica mais brilhante, ou para a esquerda, à medida que a fotografia fica mais escura. Em geral, deve evitar fazer avançar o histograma para fora da extremidade do ecrã, porque perderá detalhes nas áreas da fotografia que se tornam recortadas. Naturalmente, haverá algumas fotografias onde um resultado mais brilhante ou mais escuro proporciona um efeito mais interessante, mas, normalmente, irá querer reter a abundância do detalhe em áreas como o vestido da noiva.

Para facilitar a avaliação dos ajustes de exposição, pode ativar os práticos avisos de altas-luzes e de sombra. Estes indicam quaisquer áreas na imagem que serão apresentadas a preto puro (apresentado a azul) ou a branco puro (a vermelho). Esta opção encontra-se no menu pendente de pré-visualização do DPP e é possível ativar e desativar os avisos no Lightroom® clicando nas pequenas caixas na parte superior do histograma.

Se tiver iluminado as sombras e reduzido as altas-luzes, pode chegar à conclusão de que a sua imagem não tem contraste. Pode usar o painel de controlo da ferramenta Tone Curve para recuperar parte do contraste. Para aumentar o contraste, experimente uma curva em forma de S pouco acentuada para começar: clique no meio da linha que passa pelo centro do gráfico para definir o ponto intermédio e, em seguida, clique abaixo da linha e arraste-a ligeiramente para baixo para intensificar as sombras e clique na parte superior da linha e puxe-a ligeiramente para cima para intensificar os brancos.

Corrigir o equilíbrio de brancos

Uma captura de ecrã do DPP que mostra o equilíbrio de cores a ser corrigido numa imagem de um casal recém-casado na neve.

O DPP oferece-lhe uma gama de ferramentas para remover tonalidades, incluindo o conta-gotas de equilíbrio de brancos, que pode utilizar para clicar diretamente numa área que deve ser uma área neutra de branco ou cinzento. Aqui, foi adicionado mais âmbar utilizando o controlo deslizante de aperfeiçoamento para tornar a imagem fria mais quente.

Antes de fazer ajustes às cores na sua imagem, compensa definir o equilíbrio de brancos correto. É provável que as fotografias captadas durante um evento comemorativo, como um grande casamento, tenham sido tiradas sob diferentes tipos de iluminação, desde a luz do dia ou luzes artificiais na própria cerimónia ao pôr do sol e luzes de discoteca numa festa à noite. Pode utilizar o conjunto completo de ferramentas de equilíbrio de brancos no DPP ou no Lightroom® para remover tonalidades causadas pelas diferentes luzes, ou até adicionar uma para um efeito criativo.

As predefinições de equilíbrio de brancos no DPP refletem as disponíveis nas câmaras EOS da Canon e é possível ajustar o resultado alterando manualmente a combinação de azul/âmbar e magenta/verde para garantir que as cores são realistas. Em alternativa, pode utilizar a ferramenta de conta-gotas de equilíbrio de brancos (clique na opção de equilíbrio de brancos) e clicar numa área da imagem que deve aparecer em branco ou cinzento neutro para remover uma tonalidade em toda a imagem. Está disponível um conjunto de controlos semelhante no Lightroom®.

Mas a cor da luz pode ser o que o levou a tirar a fotografia em primeiro lugar, por isso, não sinta que tem de a neutralizar. Além disso, um equilíbrio de brancos ligeiramente "mais quente" (mais vermelho e menos azul) pode produzir tons de pele mais lisonjeiros.

Melhorar a saturação

Uma captura de ecrã do Adobe® Lightroom® a mostrar predefinições de perfil a serem aplicadas a uma imagem de uma noiva em frente a um farol amarelo.

O Lightroom® tem uma seleção de predefinições (à esquerda) e perfis (à direita) que lhe permitem aplicar um aspeto específico às suas fotografias com apenas um clique. Pode utilizar os controlos deslizantes e outras ferramentas de edição para aperfeiçoar o resultado. Os estilos de imagem e as fórmulas personalizadas do DPP funcionam da mesma forma.

Com a temperatura da cor definida, está na hora de avançar para o melhoramento da cor. Quando abre um ficheiro RAW no DPP, o estilo de imagem que foi utilizado para tirar a fotografia é automaticamente selecionado, mas pode utilizar a lista pendente para experimentar um diferente. A secção avançada permite-lhe editar também os parâmetros do estilo de imagem, incluindo alterar a tonalidade e aumentar ou diminuir a saturação da cor.

Em vez de um controlo de estilo de imagem, o Lightroom® tem uma gama de perfis de imagem e predefinições que lhe oferecem uma perspetiva completa com apenas um clique. Também podem ser utilizados como ponto de partida para edições adicionais e pode guardar a imagem acabada como uma nova predefinição personalizada que pode ser utilizada noutras fotografias. A utilização de predefinições pode poupar muito tempo, e muitos fotógrafos de casamentos que têm de editar centenas de fotografias dependem delas como forma rápida de obter um aspeto filtrado ou vintage popular.

O processamento de imagens em lotes é outra forma de simplificar o seu fluxo de trabalho. No DPP, em vez de processar cada fotografia individualmente, pode copiar a fórmula de edição de uma imagem e aplicá-la a outra imagem ou a um conjunto. Para tal, selecione a miniatura da imagem a partir da qual pretende copiar as definições e aceda a Editar (Edit) > Copiar fórmula (Edit recipe) na barra superior. (Em alternativa, utilize Editar (Edit) > Selecionar e copiar definições da fórmula (Select and copy recipe settings) e pode escolher exatamente as definições a copiar.) Em seguida, selecione a miniatura ou as miniaturas às quais pretende aplicar o mesmo aspeto e aceda a Editar (Edit) > Colar fórmula (Paste recipe). Depois de aplicar uma fórmula ou estilo de imagem a uma imagem, pode sempre fazer mais ajustes ou reverter para as definições com as quais foi tirada – lembre-se de que todas as edições são não destrutivas.

Intensificar cores individuais e usar o preto e branco

Uma captura de ecrã do DPP que mostra a claridade a ser melhorada numa imagem de um casal recém-casado abraçado.

A utilização dos controlos deslizantes de tonalidade, saturação e claridade no DPP permite-lhe fazer ajustes específicos a cores específicas. Arrastar o controlo deslizante de claridade laranja ligeiramente para a direita pode iluminar os tons de pele.

Uma captura de ecrã do Adobe® Lightroom® a mostrar uma imagem monocromática de um casal recém-casado em frente a uma cabana triangular.

Converter uma série de fotografias de casamento em preto e branco é uma excelente forma de unir uma coleção de imagens. Após a conversão, utilize os controlos deslizantes dos canais de cores para alterar a mistura de tons e adicionar contraste.

O DPP e o Lightroom® dispõem de uma série de controlos de ajuste de cor em termos de tonalidade, saturação e claridade. Estes controlos deslizantes permitem-lhe aperfeiçoar as cores individuais de uma fotografia para obter resultados subtis ou mais intensos. Se estiver a trabalhar numa fotografia tirada ao ar livre, por exemplo, pode querer ajustar os controlos deslizantes de azul para aprofundar e enriquecer um céu azul, ou clarear e reduzir a saturação, dependendo do estilo específico que procura. Também pode melhorar a atmosfera de um casamento no outono acentuando laranjas, amarelos e vermelhos. Mover o controlo deslizante de claridade laranja apenas alguns passos para a direita é um truque útil para melhorar os tons de pele nos retratos.

Naturalmente, também pode não querer nenhuma cor. Enquanto as fotografias de aniversário beneficiam frequentemente de tonalidades mais vivas, a conversão de fotografias de casamentos em preto e branco acrescenta uma qualidade intemporal que permite a quem vê concentrar-se na emoção do momento. O estilo monocromático também pode ajudá-lo a resolver alguns problemas técnicos. Por exemplo, pode trazer consistência a um conjunto de fotografias tiradas em momentos diferentes de um dia do casamento e em localizações diferentes, por exemplo, e pode também recuperar retratos tirados com ISO elevados ou com luz fraca em espaços interiores.

Em vez de selecionar o estilo de imagem monocromático no DPP, clique no botão da opção monocromática na parte superior do painel de ajuste de cor de tonalidade, saturação e claridade. Ao fazê-lo, pode continuar a utilizar os cursores H, S e L para ajustar as cores subjacentes e, consequentemente, os diferentes tons de cinzento na imagem convertida. Algumas imagens podem parecer pouco interessantes e expressivas quando convertidas para preto e branco, mas pode obter resultados mais dinâmicos utilizando os controlos deslizantes de claridade para adicionar contraste e separação.

À medida que avança nas várias fases de edição de uma fotografia, prepare-se para retroceder alguns passos e ajustar as alterações que fez anteriormente. Pode achar que precisa de reajustar a exposição ou ajustar o contraste depois de alterar as cores, por exemplo. O passo final é aplicar um pouco de nitidez. Menos é, muitas vezes, mais quando se trata de adicionar nitidez, por isso, amplie um detalhe importante para 100% para o ajudar a avaliar se aplicou a quantidade certa.


Escrito por Marcus Hawkins


Adobe® e Lightroom® são marcas comerciais registadas ou marcas comerciais da Adobe nos Estados Unidos e/ou noutros países.

Produtos relacionados

Artigos relacionados

  • Como fotografar casamentos ao ar livre

    FOTOGRAFIA DE CASAMENTO

    Como fotografar casamentos ao ar livre

    A fotógrafa de casamentos Steph Zakas partilha as suas sugestões para captar o grande dia.

  • Uma fotografia "antes e depois" de um campo de relva alta, escura e não editada à esquerda, mostrando a versão mais clara à direita, editada no DPP.

    EDIÇÃO DE FOTOGRAFIAS/PÓS-PRODUÇÃO

    Editar imagens RAW com o DPP

    Descubra como editar, aperfeiçoar e melhorar as suas fotografias RAW utilizando o software DPP da Canon.

  • Decorações impressas e cartazes para um dia de casamento junto a um retrato de uma noiva e de um noivo numa moldura.

    FOTOGRAFIA DE CASAMENTO

    Imprima o seu casamento

    Desde materiais personalizados a letreiros rústicos, existem imensas formas criativas de personalizar o seu grande dia.

  • Um retrato da fotógrafa e poetisa Amaal Said com os olhos fechados e um lenço para a cabeça vermelho caído e a cobrir a totalidade dos ombros.

    FOTOGRAFIA DE AUTORRETRATO

    Autorretratos perfeitos

    Descubra como transformar uma selfie comum num autorretrato deslumbrante.