Eddie Keogh - EOS-1D X Mark II

eddie_keogh.jpg

Conheça os heróis de ação

Eddie Keogh

Ver vídeo

"Eu podia utilizá-la imediatamente. É excelente."

Eddie Keogh é um excelente fotógrafo desportivo que trabalha regularmente como freelancer para a agência fotográfica Reuters. É também membro do Programa Embaixadores da Canon, possui um conhecimento aprofundado sobre o sistema EOS e foi um dos primeiros a fotografar com a EOS-1D X Mark II. Eddie partilha as suas reflexões sobre as vantagens exclusivas desta câmara, tais como o funcionamento em condições de pouca luz e a velocidade...

O desafio para Eddie foi pôr à prova a EOS-1D X Mark II no Lee Valley VeloPark em Londres, o icónico velódromo construído para os Jogos Olímpicos de Londres e cenário das vitórias triunfantes das equipas da Grã-Bretanha, lideradas por Sir Chris Hoy e Victoria Pendleton no verão de 2012. Casualmente, 2012 foi o ano em que Eddie recebeu a sua EOS-1D X original. Por isso, este era um local bastante apropriado para testar a sua substituição. Mas será que tudo correria bem? Eddie retoma a história...

“A partir do momento que peguei nela sabia que ia ser boa, observa. “O manuseamento inspira confiança e a sensação do toque é melhor do que nunca. Cada vez que a Canon lança uma câmara nova eu pergunto sempre a mim próprio: “Como pode ser melhor do que a última?" Mas esta câmara efetivamente constitui uma melhoria significativa."

"A ideia era ir ao velódromo e fotografar ciclismo num espaço fechado", revela. “Já tinha estado no local anteriormente para fotografar os Campeonatos Mundiais, bem como os Jogos Paraolímpicos, por isso estava familiarizado com o lugar. Existe melhor lugar para testar esta câmara? A iluminação era complicada, por isso, foi um verdadeiro teste para a câmara fotografar um motivo em movimento rápido num espaço fechado, em condições de pouca luz e com uma velocidade de obturador elevada. Estava a desafiar duplamente as capacidades da câmara e estava consciente disso. Mas com um sensor que proporciona capacidades ISO impressionantes, descobri que ao fotografar com ISO 3200 obtive a mesma qualidade de imagens que costumava obter ao fotografar com ISO 1600 na EOS-1D X."

“Senti-me muito confortável com a câmara", reflete. “A continuidade entre esta câmara e a minha antiga câmara EOS-1D X é a vantagem que mais aprecio. Pode dar-me agora esta câmara e amanhã consigo fazer um trabalho fotográfico com ela sem qualquer problema."

Eddie estava particularmente desejoso de ver os progressos efetuados na velocidade e no acompanhamento AF. “Tive a oportunidade de experimentar o acompanhamento de focagem, seguindo os ciclistas à medida que se aproximavam de mim em todo o comprimento no fotograma até apenas à metade superior dos seus corpos à medida que passavam por mim de bicicleta", relembra. "Com uma sequência de disparos de 14 fps, todas as imagens apresentavam um resultado nítido. Além disso, obtive sempre uma nitidez consistente. Observei os fotogramas na parte de trás da câmara e todos eles estavam focados. Não existia um único fotograma fraco entre os resultados. Não existe nenhuma vantagem em ter uma velocidade superior de 14 fps [com AF/AE] se dez dos fotogramas estiverem desfocados..."

Continua: “A câmara bloqueia num motivo um pouco mais rapidamente. Na verdade, estamos a falar de nanossegundos, sejamos honestos. Um nanossegundo pode fazer a diferença entre uma bola na extremidade do pé de um jogador ou estar a uma distância de seis polegadas. Literalmente, esse momento é 1/1000 de um segundo e depois passa. Essa é a margem para a qual trabalhamos. É por essa razão que a EOS-1D X Mark II constitui um avanço significativo. Tem uma excelente memória intermédia e os processadores Dual DIGIC 6+ realmente fazem um trabalho incrível no tratamento de todos os dados."

"Se algum equipamento novo for melhor, mais rápido e mais prático de utilizar, o meu trabalho torna-se mais fácil", sorri divertido. “Lembro-me dos velhos tempos dos cartões CompactFlash de 64 Mb e das velocidades de escrita efetivamente lentas. Se fotografasse com uma sequência de disparos de 14 fps utilizando um desses cartões teria de esperar o dia todo! Por isso, ter um cartão CFast comigo é realmente uma vantagem. Com a EOS-1D X Mark II é possível obter uma memória temporária de 170 ficheiros RAW, o que é incrível. A última coisa que quer que aconteça enquanto fotógrafo é perder uma oportunidade de fotografia devido a um erro que não é seu, a uma memória intermédia cheia ou a um processador lento. A câmara deve proporcionar bons resultados e a EOS-1D X Mark II, com processadores ultrarrápidos e uma grande memória temporária, é certamente bem-vinda."

Uma vantagem clara e nítida

As experiências fotográficas de Eddie também foram espelhadas na parte de trás da câmara quando chegou a altura de analisar as imagens. “O ecrã na parte de trás era fantástico, graças à resolução de 1,6 milhões de pixels", afirma. “É realmente uma melhoria fundamental em relação à EOS-1D X. Uma vez que ultimamente tenho trabalhado bastante mais a partir da parte de trás da câmara, é uma verdadeira vantagem ser capaz de ver uma imagem mais nítida. Muitas vezes estou num jogo e preciso de verificar rapidamente a nitidez. Este novo ecrã torna-o possível."

"Além disso, a EOS-1D X Mark II inclui uma funcionalidade nova realmente vantajosa", revela. “A função de cortar e enviar. Esta é uma funcionalidade fantástica para os fotógrafos como eu que trabalham em fotografia desportiva. Pode selecionar uma fotografia que tirou e cortá-la na câmara, que, em seguida, a guarda como outro JPEG. No desporto, 95% das nossas fotografias são cortadas. É muito raro uma fotografia desportiva ser enviada aos clientes sem ter sido cortada, por isso, esta função é extremamente vantajosa e economiza bastante tempo."

Eddie prossegue: "Às vezes, enquanto fotógrafos, somos um pouco exigentes em relação à forma como as nossas fotografias são utilizadas depois de saírem do nosso controlo e a função de corte pode realmente melhorar ou piorar o impacto de uma fotografia. Portanto, esta capacidade disponibilizada ao fotógrafo para cortar a sua imagem enquanto ainda se encontra na câmara antes de a enviar é bastante bem-vinda."

Deve ainda mencionar-se a implementação de GPS incorporado numa DSLR da série EOS-1D pela primeira vez. Eddie explica: "Trata-se de uma função realmente importante. Por exemplo, quando existem vários fotógrafos que enviam uma sequência de fotografias de um golo. Com a EOS-1D X Mark II sabemos que o tempo da ação vai coincidir exatamente com o tempo em que a fotografia foi tirada. Como tal, não existe qualquer dúvida sobre a validade ou precisão da fotografia. Da mesma forma, não é necessário ajustar manualmente o relógio na câmara. Com a EOS-1D X Mark II sei que o que aconteceu em campo e aquilo que gravei através da minha objetiva são a mesma coisa."

Fotografias em movimento

Eddie utilizou cinco das suas objetivas preferidas nas fotografias do velódromo: EF11-24mm f/4L USM, EF14mm f/2.8L II USM, EF24-70mm f/2.8L II USM, EF70-200mm f/2.8L IS II USM e EF400 f/2.8L IS II USM. "A EOS-1D X Mark II trabalhou de forma brilhante com todas elas", afirma. “A focagem foi rápida e precisa, muito melhor do que a EOS-1D X. O acréscimo de filmes em 4K na câmara permitiu-me, se me fosse pedido, gravar filmes com ela utilizando o modo Visualização direta e obter uma focagem mais suave graças ao controlo de ecrã tátil e ao Dual Pixel CMOS AF. Atualmente, cada vez mais os fotógrafos são solicitados para gravar um filme, especialmente na Reuters, onde tentamos ir além do que nos é pedido e proporcionar mais aos nossos clientes. Por isso, esta funcionalidade é excelente.

"A minha conclusão geral sobre a EOS-1D X Mark II é que me permite tirar mais fotografias, com uma qualidade superior, e enviá-las mais rapidamente, graças ao novo transmissor Wi-Fi", resume Eddie. “Na minha opinião, a câmara constitui um avanço significativo face à EOS-1D X original. Ao incluir a fantástica função de corte e envio, foi efetivamente concebida para fotógrafos como eu. Quando posso fazer a minha encomenda?"

Mais informações sobre o fotógrafo

Ver o perfil completo