A rock musician on stage at a festival plays the guitar. Photo by Ben Morse.

FOTOGRAFAR FESTIVAIS

Roupas, sol e rock & roll: principais sugestões e técnicas para fotografar festivais

Quer esteja a montar a sua tenda para um fim de semana inteiro de música ao vivo ou a assistir a um só concerto com amigos, certifique-se de que está preparado para captar toda a diversão do verão. Os festivais e eventos de música estão repletos de cenários e adereços de palco espetaculares, roupas peculiares e, obviamente, incríveis atuações que contribuem para o ambiente que se vive. Leve a sua câmara Canon e siga estas sugestões de um fotógrafo de festivais para tirar fotografias que farão inveja aos seus amigos.

Ben Morse lançou a sua carreira como fotógrafo profissional de festivais com apenas um e-mail. Era um amador entusiasta que pretendia desenvolver as suas competências e que encontrou na fotografia de festivais uma forma de combinar a sua paixão pela música com o seu crescente interesse pela fotografia. "Estava só a começar e queria alargar o meu portefólio além dos músicos que estava a fotografar. Pensei que um festival seria uma boa forma de o conseguir e o 2000trees, um pequeno festival de rock fantástico em Cheltenham, Inglaterra, pareceu-me a oportunidade certa. Enviei-lhes um e-mail e responderam "Sim, adoramos o seu trabalho". Na verdade, gostaram tanto do trabalho dele que o convidaram no ano seguinte como fotógrafo remunerado.

"Fotografar um festival é muito mais divertido do que simplesmente assistir", afirma o Ben. "Descubro imensa música nova e posso inspirar-me na energia criativa das outras pessoas, o que é muito emocionante". As diferentes condições que os festivais apresentam significam que são o local de treino perfeito para os entusiastas da fotografia – um excelente espaço para desenvolver competências enquanto se divertem.

Neste artigo, Ben partilha os seus conselhos sobre como captar fotografias mais criativas ao utilizar o ambiente circundante, procurar composições invulgares e utilizar o zoom de modo a obter o máximo efeito.

1. Esteja onde os outros fotógrafos não estão

"Algo excelente que aprendi durante anos a fotografar festivais é que compensa estar onde os outros fotógrafos não estão", revela Ben. "Algumas das minhas fotografias favoritas são as que tirei quando estava no meio da multidão e o vocalista desceu até às barreiras. Os outros fotógrafos mantiveram-se no espaço correspondente ao passe que receberam e não lhes ocorreu mudar de lugar para conseguir as melhores fotografias. Adoro fotografar a partir da perspetiva da multidão, porque é a perspetiva que a maioria das pessoas se lembra. Considero parte do meu trabalho estar entre as pessoas para sentir o ambiente."

Esta sugestão não se aplica apenas durante grandes concertos. Aproveite o tempo antes e depois das atuações para explorar cenas animadas no local do festival. "Há imensas coisas incríveis que pode fotografar num festival. Há sempre pessoas vestidas com roupas loucas a vaguear por lá. E, na minha opinião, se estão a usar uma roupa diferente, então querem ser vistas, por isso provavelmente adorariam que as fotografasse. Não custa perguntar. Basta dizer: "Importa-se que lhe tire uma fotografia? Tem um estilo fantástico!" Na maioria das vezes, a resposta é «Sim»."

Artigos relacionados
A group of friends pose holding sparklers, facing the camera with their faces illuminated by the sparkler light.

FOTOGRAFIA DE FESTAS

Seja mais criativo nas suas fotografias de festas

Quer captar o entusiasmo das festas e comemorações? Saiba como fotografar todos aqueles momentos alegres de formas criativas.

canon-get-inspired-10-tips-travel-photography

FOTOGRAFIA DE VIAGEM

10 sugestões para melhorar as suas fotografias de viagem

10 formas de tirar fotografias de viagem com mais impacto, incluindo as melhores definições da câmara para fotografias de férias e como conseguir imagens fora do comum.

Men in blue jackets and bow ties pretend to play inflatable instruments in a field. Photo by Ben Morse.

2. Leve o kit de câmara perfeito

Se pretende melhorar as suas fotografias de festivais este verão, a Canon PowerShot SX740 HS e a Canon EOS M50 são excelentes companheiras de festival. O potente zoom ótico de 40x da compacta Canon PowerShot SX740 HS irá ajudá-lo a alternar facilmente entre fotografias divertidas com os amigos perto de si e fotografias do espetáculo a decorrer mais ao longe, no palco. Além disso, com as opções de gravação de filmes 4K, pode captar as suas músicas favoritas com perfeição.

"Uma PowerShot é uma excelente opção", afirma o Ben. "É muito útil ter um ecrã grande que pode rodar para ver a imagem. Uma câmara com um bom zoom também é útil, para que possa captar a ação em palco a partir do meio da multidão."

Consulte as regras relativas a equipamento de fotografia no festival ou concerto que vai assistir antes de sair. Alguns eventos permitem levar apenas uma câmara compacta, enquanto outros podem permitir que leve uma câmara mirrorless ou uma DSLR sem ter licença de fotógrafo.

A Canon EOS M50 é uma câmara mirrorless compacta mas versátil, com um sensor de tamanho DSLR de 24,1 megapixels, um potente processador DIGIC 8 e gravação de vídeo 4K para captar memórias inesquecíveis com cores e detalhes fantásticos. Oferece modos de disparo automáticos que ajustam as definições certas para si, bem como controlos manuais que pode explorar assim que se sentir mais confiante em relação às suas competências fotográficas. A conectividade Wi-Fi permite-lhe partilhar facilmente as imagens com os seus dispositivos inteligentes, utilizando a aplicação Camera Connect da Canon. Além disso, o ecrã táctil de ângulo variável da M50 permite-lhe captar fotografias de todos os ângulos, desde uma posição baixa para os artistas parecerem mais altos, até encaixar-se num canto para obter uma visão mais ampla da ação.

Ao selecionar uma objetiva para utilizar com a Canon EOS M50, a Canon EF-M 15-45mm f/3.5-6.3 IS STM, que é muitas vezes fornecida com a câmara, é uma objetiva versátil e de alta qualidade para fotografias de grande angular e fotografias quotidianas, com um excelente estabilizador de imagem incorporado.

O Ben acrescenta: "Se pretender fotografias mais próximas, a Canon EF-M 55-200mm f/4.5-6.3 IS STM tem um longo alcance, mas continua a ser leve e confortável e dispõe de um estabilizador de imagem. O longo alcance significa que pode obter grandes planos de instrumentos e de rostos das pessoas em palco. Por isso, com estas duas objetivas, tem tudo o que precisa."

3. Capte a cena completa

Para captar a clássica vista do palco com todos os membros da banda em ação, o Ben recomenda a utilização de uma abertura mais pequena (valor de diafragma mais elevado), como f/4.5 ou superior. Isto oferece-lhe uma maior profundidade de campo que ajudará a garantir que a cena completa está o mais focada possível.

A band play on an atmospheric stage at night, with smoke and blue light, and hands in the foreground. Photo by Ben Morse.

4. Não se esqueça da multidão

"Não esteja o tempo todo concentrado apenas na banda", aconselha o Ben. "Certifique-se de que tem algumas fotografias que também mostram a multidão. Esta é uma experiência de música ao vivo. Há imensos profissionais no espaço dos fotógrafos a tirar fotografias em grande plano da banda, mas a sua perspetiva para mostrar a reação do público é única. Pode mostrar como as pessoas à sua volta estão a reagir à banda. Se quiser voltar a ver estas imagens e relembrar as sensações daquele momento, a melhor forma de o fazer é ver a banda e ver as reações nos rostos das pessoas à sua volta."

E por que não usar os seus amigos como modelos? Enquanto explora o festival ou espera que a música comece, fotografar os seus amigos pode ser uma excelente forma de praticar as suas competências fotográficas e de preparar a sua câmara. "É divertido tirar fotografias aos seus amigos, mas também pode aproveitar esta oportunidade para se assegurar de que a abertura e o ISO estão configurados corretamente. Se utilizar este tempo para experimentar diferentes definições, pode concentrar-se apenas no enquadramento das suas fotografias quando a música começar."

A singer crowdsurfs in a tent, mic in hand. Photo by Ben Morse.

5. Utilize o zoom de forma mais inteligente

O zoom ótico de 40x da Canon PowerShot SX740 HS permite-lhe aproximar-se de tudo o que acontece num festival. Para utilizar o potencial máximo do zoom, o Ben aconselha: "Tente manter as suas mãos o mais estáveis possível enquanto fotografa com zoom elevado. Mantenha as mãos firmes, aguarde pelo momento certo e assegure flexibilidade suficiente no enquadramento, para não perder a fotografia caso o motivo que está a fotografar – seja o cantor, o guitarrista, um membro do público – se mova repentinamente. Portanto, não aumente demasiado o zoom; um pouco de largura extra é muito mais útil do que aproximar demasiado."

Uma funcionalidade da Canon PowerShot SX740 HS que ajuda a aumentar e reduzir rapidamente o zoom é a assistência de enquadramento de zoom. Para utilizar esta função, basta premir o botão da assistência de enquadramento de zoom na parte posterior da câmara (à esquerda do botão Wi-Fi) para diminuir o zoom e voltar a enquadrar o motivo. Solte o botão e a objetiva regressa automaticamente à posição com o zoom aumentado.

A Canon PowerShot SX740 HS também inclui uma potente estabilização de imagem, que ajuda a reduzir o risco de imagens desfocadas devido a mãos a tremer. As objetivas Canon EF-M 15-45mm f/3.5-6.3 IS STM e Canon EF-M 55-200mm f/4.5-6.3 IS STM que o Ben recomenda utilizar com a Canon EOS M50 também têm estabilização de imagem incorporada.

People in a festival audience hold up their hands as confetti showers down on them. Photo by Ben Morse.

6. Desligue o flash

"Não utilize um flash integrado para fotografar a partir do meio da multidão à noite", avisa o Ben. "Vai empalidecer as pessoas que estão próximas de si, criando gigantes manchas brancas no primeiro plano, e não influencia absolutamente nada a imagem que está a tentar captar da banda à distância. Além disso, vai incomodar todos os que o rodeiam. Lembre-se de que a banda iluminou o palco de uma forma específica, pois pretende criar um determinado efeito, por isso, utilize essa iluminação."

7. Considere utilizar o equilíbrio de brancos

As condições de luz em festivais mudam constantemente devido às condições climatéricas imprevisíveis e à iluminação variável do palco. A predefinição de equilíbrio de brancos automático da sua câmara pode ajudá-lo a manter-se um passo à frente destas alterações, garantindo que as suas cores têm sempre um aspeto natural e agradável. "Quando a banda entra em palco, é provável que haja mais luz. As condições meteorológicas e a hora do dia influenciam a forma como deve definir o equilíbrio de brancos e a iluminação fluorescente do palco pode confundir a sua câmara", indica o Ben. "Não há problema em fotografar com o equilíbrio de brancos automático, especialmente se isso significar que os tons das cores ficam com um aspeto normal."

A Canon PowerShot SX740 HS e a Canon EOS M50 têm ambas uma definição de equilíbrio de brancos automático, bem como uma seleção de predefinições (como Luz de dia, Sombra, Nublado, Tungsténio e Fluorescente). Também oferecem um controlo manual preciso, para que possa experimentar definir o equilíbrio de brancos manualmente, quando se sentir preparado. Não se esqueça de definir novamente o equilíbrio de brancos automático quando terminar. A Canon EOS M50 também lhe permite fotografar imagens RAW, o que significa que pode editar posteriormente o equilíbrio de brancos das suas fotografias num software de desenvolvimento RAW, como o Digital Photo Professional, num tablet ou computador.

Sejam quais forem as condições de luminosidade, uma câmara Canon pode ajudá-lo a garantir que as suas cores são tão intensas quanto a música!

Overhead shot of gig showing confetti exploding out from the stage and towards the audience. Photo by Ben Morse.

8. Faça experiências com a composição

"Procure diferentes ângulos para olhar para a mesma coisa", aconselha o Ben. "Aproxime-se do chão. Suba mais alto, se conseguir. Se existirem instalações artísticas peculiares, mantenha-se perto delas, porque as pessoas adoram fotografá-las. Assim, pode fotografar as pessoas que as circundam. "Há imensas coisas incríveis que pode fazer. Tenho uma fotografia de um músico a ensaiar no meio das árvores num festival. As árvores são linhas verticais que atraem o olhar, pelo que são um elemento fotogénico natural. Procure formas e linhas como esta que estão naturalmente presentes nos festivais, pois dão origem a fotografias interessantes."

O Ben acrescenta que ter uma câmara com um ecrã inclinável, como o ecrã rotativo a 180° da Canon PowerShot SX740 HS ou o ecrã tátil de ângulo variável da Canon EOS M50, pode realmente ajudá-lo a encontrar ângulos criativos. "O meu truque mais antigo é baixar-me até ao chão. Mas não é necessário sentar-se ou agachar-se tão baixo se tiver um ecrã inclinável ou rotativo – basta manter a câmara numa posição baixa."

A guitarist practices among some trees. Photo by Ben Morse.

9. Capte o entusiasmo

Em vez de se irritar quando as pessoas à sua frente agitam as mãos à frente da sua câmara, porque não incluir estes detalhes? Os aplausos podem ajudar a transmitir a atmosfera de um concerto. "Se estiver um pouco afastado, a multidão é um mar gigante de rostos e mãos, que por vezes estão iluminados, por vezes estão semi-iluminados e por vezes são uma simples silhueta", afirma Ben. "Se estiver no meio e esperar pelo momento certo, pode obter fotografias realmente interessantes ao experimentar diferentes opções com silhuetas. Já aconteceu estar um homem à minha frente com as mãos levantadas, a bater palmas. Esperei que ele ficasse eufórico e tentei continuar a fotografar entre as palmas dele, para captar a banda entre as mãos. Foi um desafio divertido."

Para conseguir uma fotografia com silhuetas de mãos e a banda focada, o Ben aconselha que defina a sua câmara para um ISO elevado, utilize uma velocidade do obturador elevada e foque o palco. Defina um ritmo com o obturador e tente captar uma sequência de imagens entre palmas. A Canon PowerShot SX740 HS e a Canon EOS M50 têm ambas modos de disparo contínuo, para que possa utilizá-los para fotografar sequências de várias imagens por segundo.

"Não se preocupe em ver como ficou a imagem nesse momento. Pode fazê-lo quando chegar a casa. Se perdeu o momento, não vai conseguir recuperá-lo e, enquanto vê como ficou, pode perder o próximo", afirma o Ben. "Em vez disso, mantenha a câmara a funcionar o mais rapidamente possível e esteja pronto para reagir ao que está a acontecer à sua volta. Se estiver animado com a música e a divertir-se, não vai ficar aborrecido por ter de ver 500 fotografias depois de o evento terminar."

A band perform on stage, with audience hands waving and clapping. Photo by Ben Morse.

10. Imprima as suas fotografias

"Uma das coisas que adoro fazer em digressões é trazer comigo uma pequena impressora instantânea para imprimir fotografias dos últimos dias e deixar no camarim das bandas. Elas adoram porque não podem ver o que eu vejo", afirma o Ben.

"Se vai a um festival durante alguns dias, recomendo que leve a impressora portátil Canon Zoemini para deixar no parque de campismo. Imprima fotografias que tirou no parque de campismo e em alguns dos espetáculos, e coloque-as na sua tenda", acrescenta o Ben. Para utilizar a impressora, certifique-se de que tem as imagens que pretende imprimir no seu smartphone ou tablet (pode transferi-las da sua câmara através de Wi-Fi ou Bluetooth para depois de ligar à aplicação Camera Connect da Canon). Em seguida, abra a aplicação Canon Mini Print para imprimir a imagem diretamente do seu telemóvel para a Canon Zoemini. A aplicação Canon Mini Print permite-lhe até adicionar filtros, molduras, desenhos, texto e muito mais, para imagens divertidas que deixarão uma impressão duradoura nos seus amigos.


Escrito por Matthew Bowen

Produtos relacionados

Artigos relacionados



A secção Inspirar-se é a sua principal fonte de dicas de fotografia úteis, guias de compras e entrevistas profundas: tudo aquilo de que necessita para encontrar a melhor câmara ou impressora e dar vida à sua próxima ideia criativa.

Voltar a todas as sugestões e técnicas