PROGRAMA MIRAISHA DA CANON PERMITE A JOVENS STORYTELLERS AFRICANOS ALCANÇAREM OS SEUS SONHOS

Lisboa, Portugal, 03 de março de 2021 – A Canon Central and North Africa (CCNA) vai oferecer bolsas de estudo de fotografia ou cinema a estudantes da comunidade de Mathare, no Quénia, como parte de uma campanha de redes sociais que procura consciencializar o público para a importância do desenvolvimento das competências dos jovens.

Faça parte da iniciativa que oferecerá bolsas de estudo de fotografia e cinema a jovens estudantes no Quénia, através do vídeo que celebra o sucesso deste Programa até à data.

O projeto é parte integrante do Programa Miraisha da Canon, uma iniciativa focada em encontrar oportunidades de trabalho e de subsistência futura para jovens em África através de workshops, programas de formação e apoio ao empreendedorismo. Desde o seu lançamento em 2014, o programa possibilitou a formação de mais de 5.680 futuros profissionais em todo o continente africano, ajudando-os a conquistar habilitações, assegurar emprego e criar os seus próprios negócios.

Para celebrar o sucesso do Programa Miraisha até à data, a CCNA vai oferecer bolsas de estudo na KCA University a estudantes da comunidade Mathare. Estas bolsas permitirão que os jovens desenvolvam as suas capacidades de storytelling, abrindo caminho a oportunidades que lhes permitam melhorar as suas condições de vida, bem como as da comunidade em que se inserem.

De modo a consciencializar o público para a importância desta iniciativa, a CCNA também vai disponibilizar uma série de vídeos que demonstram a ação do Programa Miraisha na comunidade Mathare. Com o apoio de influenciadores da região, a CCNA pretende partilhar estes vídeos da forma mais universal possível, de modo a instruir e inspirar outras pessoas em relação ao poder do storytelling visual como ferramenta para o crescimento pessoal e comunitário. Poderá conhecer e partilhar a história completa a partir das redes sociais da @CanonCNA.

Mathare é uma das áreas urbanas mais desprovidas de África, estando os seus jovens em sofrimento pela falta de perspetivas de emprego. Os vídeos ilustram como o Canon Miraisha tem trabalhado com o Mathare Community Training Programme de forma a oferecer workshops a jovens da comunidade. Estas formações têm-nos dotado de um conjunto de competências de fotografia e cinema, ajudando-os a melhorar as suas oportunidades. Existe também um programa paralelo que investe na formação de formadores no país, de modo a que estes possam ensinar e partilhar conhecimentos e capacidades com os seus pares fotógrafos e realizadores, bem como com a geração seguinte. Em resultado deste programa, 15 pessoas locais já trabalham como Canon Miraisha Trainers.

A campanha decorrerá durante 10 semanas, e por cada 10.000 interações que o vídeo alcance nas redes sociais, a CCNA anunciará um dos beneficiários das bolsas, apresentando a sua história pessoal e desejos de futuro.

Somesh Adukia, Managing Director da Canon Central and North Africa Sales, afirmou: “A Canon está empenhada na qualificação dos jovens da região africana através do desenvolvimento de competências vocacionais ligadas à imagem. A melhor prova disso é o sucesso contínuo do Programa Miraisha, que promove ativamente a capacitação dos jovens com capacidades práticas, sustentáveis e com interesse para o mercado. Acreditamos que  histórias poderosas resultarão do programa, impulsionadas pelo talento criativo das comunidades em destaque. Estamos também entusiasmados por expandir esta iniciativa por todo o continente nos próximos meses.”

Desde 2016, o Programa Miraisha tem trabalhado com um vasto leque de organizações em toda a África, incluindo a Kenyatta University; Kenya Film Commission (KFC); Kenya Photography Awards; Yabba College of Technology (Nigéria); Uganda Press Photo Award (UPPA); The NRB Bus; e PEFTI Film institute (Nigéria), entre outras instituições e eventos. Para mais informações sobre o programa, por favor visite o website.