Influencer Joel Thorpe taking a selfie on the Canon Zoemini S on Brighton beach front.

CÂMARAS INSTANTÂNEAS

Desenvolva o seu estilo com câmaras instantâneas: as melhores sugestões de um influenciador

O influenciador do Instagram, Joel Thorpe, começou a desenvolver o seu distinto estilo de fotografia depois de ter recebido uma câmara quando fez 15 anos e colocado algumas fotografias online. "Não tinha ideia do que estava a fazer, mas quanto mais fotografava, mais evoluía", afirma. "O Instagram era algo bastante novo nessa altura e, por isso, o meu número de seguidores cresceu muito rapidamente."
Baseado em Brighton, Inglaterra, Joel tinha garantido um lugar na universidade para estudar cinematografia, mas a sua paixão pela fotografia aumentou durante um ano sabático que, na realidade, nunca terminou. Agora, fotografa conteúdos para turismo, hotéis e marcas globais.
O jovem de 22 anos, começou recentemente a fazer experiências com impressões na sua fotografia urbana, incorporando fotografias sem tripé de uma cena numa fotografia da cena para criar um ponto focal único. "Tem tudo a ver com a razão pela qual comecei a fotografar", revela. "Para além de uma carreira, a fotografia para mim é basicamente uma forma de preservar as experiências e as boas recordações. Ter uma impressão física dá-nos esse tipo de elemento de nostalgia e sinto que as memórias duram um pouco mais. Por isso, comecei a fazer experiências há algum tempo e a adicionar impressões reais sem tripé nas fotografias. Trata-se de preservar essas memórias."

Ao fotografar na sua cidade natal de Brighton, Joel captou marcos locais e adicionou outra dimensão criativa às suas imagens com impressões feitas através da Canon Zoemini S para refletir a cena em segundo plano.

Joel utiliza a câmara instantânea Canon Zoemini S de 8 megapixels e tamanho de bolso porque é portátil e leve. "É muito fácil de utilizar e adoro o tamanho compacto", confessa. "Para um dispositivo tão pequeno e fino, dispõe de imensas funcionalidades."

Aqui, revela as suas sugestões para criar uma marca nas redes sociais e por que motivo espera que as suas fotografias inspirem outros fotógrafos a fazer experiências com a impressão.

Desenvolva o seu próprio estilo

Artigos relacionados
Giuseppe Esposito-Rodrigues taking a photo of a shop window, showing passers by in the reflection.

FOTOGRAFIA URBANA

Aventure-se: sugestões de fotografia urbana

Capte a magia do dia a dia com estas sugestões e técnicas do fotógrafo de rua Giuseppe Esposito-Rodrigues.

A scrapbook on a table filled with instant camera prints with a Canon Selphy Square QX10 printer.

IMPRESSÃO CRIATIVA

Divirta-se com a impressão e dê vida às suas fotografias

Descubra como ser criativo com a sua fotografia e imprima os resultados instantaneamente com a impressora Canon Selphy Square QX10.

A cat and koala printed on PIXMA TS5350 printer.

IMPRESSÃO E TRABALHOS MANUAIS

Imaginar, criar e revelar com o @Paperboyo

Descubra como diferentes tipos de suportes podem inspirar a criatividade com a estrela do Instagram, Paperboyo.

Nem todas as cenas são ideais para este tipo de imagem. "Normalmente, queremos algo arrojado e surpreendente", explica Joel. "Aproximar-se do seu motivo e garantir que é o ponto focal irá proporcionar-lhe um melhor resultado. Tem de ser capaz de identificar claramente a imagem em segundo plano para que os espetadores compreendam o que estão a ver."

"Trata-se de criar um aspeto consistente que esperamos que as pessoas reconheçam como seu próprio", diz Joel. No entanto, a consistência não significa ter medo de abraçar novas técnicas. "Ainda tento implementar conceitos originais no meu trabalho para tentar distinguir-me da norma", afirma. A versatilidade da Canon Zoemini S permitiu a Joel experimentar uma grande variedade de novas técnicas criativas. "O mundo é um lugar de oportunidades com este dispositivo", afirma.

"Sinto que as memórias duram um pouco mais em formato físico. Por isso, comecei a fazer experiências e a incluir impressões sem tripé nas fotografias para introduzir um elemento de nostalgia. É uma forma agradável de incorporar esse nível adicional de criatividade e dá ao público algo mais em que se focar."

É importante seguir a sua própria visão, acrescenta Joel, e não apenas fotografar o que pensa que o seu público vai gostar. "É sempre bom receber comentários positivos nas redes sociais e ver o tipo de fotografias que os seguidores apreciam", afirma. "No entanto, acho que é necessário ter em conta o que realmente se pretende criar. É muito fácil tornarmo-nos apenas um entre muitos, se fizermos o que outros fotógrafos estão a fazer. Desde que mantenha a sua originalidade e se mantenha fiel ao que gosta de fazer, o resto acaba por chegar naturalmente."

A composição é essencial

Joel guarda as suas impressões nas imagens, o que acrescenta um toque pessoal e uma profundidade adicional, criando uma imagem final mais memorável do que simplesmente fotografar um motivo.

Joel compõe estas fotografias com impressões em mente e, normalmente, fotografa com uma profundidade de campo reduzida (uma pequena zona de focagem), para que a impressão no centro da imagem esteja focada, mas o fundo desfocado. "Crio uma impressão física, centro-a e, em seguida, fotografo novamente com a minha Canon EOS-1D X Mark II [agora substituída pela Canon EOS-1D X Mark III]. O espetador reconhece a localização devido à semelhança entre a impressão e o cenário", explica Joel.

"O mais importante é garantir que a imagem é suficientemente boa. Com as câmaras digitais, é possível continuar a fotografar, mas o formato físico faz-nos ter realmente cuidado com a fotografia para garantir que temos uma imagem suficientemente boa com a qual trabalhar.

"Fiquei verdadeiramente impressionado com a Canon Zoemini S", acrescenta Joel. "A cor é fiel ao que os olhos vêm, quer seja na "hora dourada" ou com luz do dia, o que é sempre um desafio para fotografar e expor corretamente. É muito fácil utilizar o visor para compor as fotografias. A composição é fundamental para chegar a esse conceito e garantir que o aspeto da impressão corresponde ao fundo."

Experimente personalizar

An infographic showing how the Canon Zoemini S can be used with the Canon Mini Print App.
Joel utilizou a aplicação Canon Mini Print para ligar a Canon Zoemini S ao seu smartphone através de Bluetooth. "É tão fácil de usar. Posso carregar o rolo da minha câmara para a aplicação, clicar em "Imprimir" e obter um resultado excelente", afirma. As impressões também podem ser utilizadas como autocolantes. "Permite libertar realmente a criatividade", conta Joel. "Podemos ter uma parede inteira cheia de autocolantes ou colá-los num computador portátil ou telemóvel," afirma.

Joel utiliza a aplicação Canon Mini Print no smartphone, que está ligado à Canon Zoemini S através de Bluetooth, para criar imagens ainda mais únicas, adicionando molduras, filtros, texto e rabiscos. Se quiser tirar uma fotografia a partir de um ângulo difícil, pode colocar a Canon Zoemini S na posição correta e utilizar as opções de temporizador automático e obturador remoto da aplicação para tirar a fotografia.

Joel recomenda fazer experiências com a Canon Zoemini S até obter um resultado que lhe agrada. "Pode ter um recorte quadrado na impressão, o que oferece um elemento diferente a toda a experiência. Também tem o flash anelar, ideal para utilização no interior", afirma. "Existem imensa versatilidade no que diz respeito a este tipo de estilo criativo. Pode fazer muitas coisas, se pensar fora da caixa. Basta aventurar-se, explorar, tirar algumas fotografias e ver o que acontece." 

Escrito por Tamzin Wilks

Produtos relacionados

Artigos relacionados



A secção Inspirar-se é a sua principal fonte de dicas de fotografia úteis, guias de compras e entrevistas profundas: tudo aquilo de que necessita para encontrar a melhor câmara ou impressora e dar vida à sua próxima ideia criativa.

Voltar a todas as sugestões e técnicas