FOTOGRAFIA TIME-LAPSE

Projetos fotográficos em time-lapse para principiantes

Explore o mundo dos filmes time-lapse no conforto da sua própria casa ou quando estiver fora com a família. A sua câmara Canon EOS pode torná-lo mais fácil!
Canon Camera
O time-lapse é uma técnica criativa que lhe permite revelar um mundo oculto em movimento e pode produzir alguns resultados surpreendentes e gratificantes. Desde acelerar nuvens de tempestade à medida que as mesmas se dispersam sobre uma paisagem até à gravação da marcha lenta das estrelas pelo céu noturno, o time-lapse serve para criar uma tela épica – mas é uma técnica igualmente eficaz com objetos em pequena escala mais perto de casa.

Para demonstrar que não é necessário viajar para muito longe para se ser criativo, desafiámos dois fotógrafos de time-lapse a fotografar algo belo a partir dos limites das respetivas casa.

Pratique em casa

Alex Nail é um fotógrafo de paisagens e cineasta de time-lapse galardoado residente no Reino Unido. É apaixonado por dar vida à paisagem e, além de ter criado uma impressionante carteira de projetos pessoais de time-lapse, tem utilizado a técnica a nível comercial para inúmeras organizações, incluindo a British Tourist Authority.

Embora seja habitualmente encontrado a treinar as suas objetivas nas cadeias montanhosas da Europa, Alex afirma que ficar mais perto de casa é uma excelente forma de nos familiarizarmos com a técnica de time-lapse. Ele fotografou o time-lapse da evolução do dia a noite através de uma das janelas da sua casa para mostrar como a técnica pode ser fácil.
A composite image representing a time-lapse of the scene through a window from day to night.
"A casa é o local perfeito para se aprenderem as técnicas do time-lapse porque é extremamente conveniente e controlado", explica Alex. "Ao ar livre, o time-lapse torna-se um pouco mais desafiante, com vento forte, chuva ou mudanças de luz inesperadas. Mas pode desenvolver facilmente os seus conhecimentos sobre o time-lapse no conforto da sua própria casa. Mesmo agora, tendo fotografado em time-lapse durante oito anos, continuo a realizar testes dentro de casa.

"Claro que fotografar no interior também apresenta alguns desafios. As casas são geralmente lugares bastante estáticos, por isso é o seu desafio enquanto fotógrafo pensar em como vai introduzir mudanças ou movimentos numa cena. Também pode não viver numa casa modelo (eu certamente não vivo), mas isso não o impede de captar os movimentos da vida quotidiana ou de se concentrar em pequenos detalhes. Se estiver a fotografar ao nascer ou ao pôr do sol, considere como a iluminação artificial dentro de casa irá mudar (ou não) em comparação com as mudanças significativas no exterior."

Alex sugere a utilização de objetos imóveis para contrastar com o movimento que pretende captar. "Por exemplo, pode contrastar a natureza estática de um caixilho de janela e ornamentos com os movimentos irregulares de árvores ao ar livre a esvoaçar ao vento, ou de nuvens a deslocarem-se no horizonte. Os elementos estáticos ajudam a concentrar a atenção do espetador no movimento da cena."

Captar o movimento dos animais

Depois de se formar na Central Saint Martins Collage of Art and Design em Londres, Camilla Rutherford, nascida na Escócia, fugiu da vida da cidade para passar algum tempo a tirar fotografias e a fazer filmes de atletas de desportos de aventura "a perseguir a neve à volta do globo". Posteriormente, instalou-se em Wanaka, Nova Zelândia, onde vive numa quinta dedicada à criação de ovelhas merino nas terras altas com a família.
A flock of sheep grazing in a field of grass with brown hills in the background and blue sky above.
O time-lapse de Camilla capta o fluxo de um rebanho de ovelhas na quinta. O contraste no ritmo entre o impulso rápido dos animais a serem alimentados e a lenta deslocação das nuvens acrescenta contraste visual, enquanto a qualidade da luz e o cenário dramático conferem uma reviravolta cinematográfica a esta cena comum.

Embora possa não ter este nível de beleza selvagem à porta de casa, é uma técnica que funciona igualmente bem para captar as idas e vindas de um animal de estimação numa sala, ou de pássaros que visitam um alimentador de jardim. Coloque a câmara num tripé, defina um longo intervalo de time-lapse e grave o movimento diário de animais que normalmente não veria.

Criar o seu próprio time-lapse

Assim, pode ver como um time-lapse em pequena escala pode ser eficaz. Também não precisa de uma câmara avançada ou de uma objetiva especializada. Se tiver muito tempo nas mãos e muita paciência, pode simplesmente tirar uma série de fotografias a intervalos regulares e depois combiná-las num software de edição de vídeo para criar um filme time-lapse final.

Para facilitar as coisas, várias câmaras Canon EOS têm um temporizador de intervalo incorporado que automatiza todo o processo. Utilizando esta função, pode especificar quantas fotografias pretende tirar e qual o intervalo de tempo que deve deixar entre cada uma - em segundos, minutos ou horas. A câmara tirará, então, uma sequência de fotografias nos intervalos predefinidos até ter tirado o número especificado de fotografias. Estas imagens podem ser posteriormente utilizadas para criar um filme time-lapse, com um software adequado, ou as imagens individuais podem ser utilizadas de outras formas criativas.

Para uma maior comodidade, algumas câmaras EOS têm uma opção de filme time-lapse. Esta opção faz todo o trabalho árduo por si, uma vez que combina as imagens na câmara e guarda o filme time-lapse final no cartão de memória, para que o possa desfrutar e partilhar de imediato.

Encontrará uma destas funcionalidades – e, por vezes, ambas – numa série de câmaras em toda a gama EOS. A EOS 250D e a EOS RP são duas câmaras indicadas para principiantes que lhe permitem explorar o mundo criativo dos filmes time-lapse em casa. Desde flores a florescer e a murchar ao gelado a derreter e ao movimento da luz solar à volta da sua sala de estar, existe uma fonte ilimitada de motivos que podem ser transformados em cativantes vídeos time-lapse.
Two ice creams designed to look like slices of watermelon, starting to melt on a plate.

Sugestões para time-lapse

Depois de selecionar um motivo adequado para o seu time-lapse, chega a altura de configurar a sua câmara. Aqui, recomenda-se a utilização de um tripé, para que quaisquer partes imóveis da sua cena sejam nítidas na sequência final.
Uma Canon EOS 250D montada num tripé virado para um gelado com a forma de uma fatia de melancia num prato, com um candeeiro de secretária ao lado.

Para garantir que toda a cena não se move, apenas as partes que se destinam a mudar, coloque a sua câmara num tripé.

A duração da bateria pode ser uma preocupação quando estiver a fotografar sequências muito longas em time-lapse, por isso certifique-se de que começa com uma bateria totalmente carregada. Para reduzir ao mínimo o consumo de energia, o visor traseiro será desativado por predefinição em algumas câmaras, ou pode ser desativado no ecrã da definição de filme time-lapse. Para time-lapses muito longos, pode ser melhor fixar um punho de bateria e uma bateria adicional à câmara ou utilizar um adaptador de alimentação opcional para uma alimentação constante.
Uma bateria a ser introduzida numa Canon EOS 250D.

Certifique-se de que começa a filmar o seu time-lapse com uma bateria totalmente carregada, sobretudo se estiver a tirar um grande número de disparos durante um período de tempo prolongado.

Quando se trata de iluminar um time-lapse de interiores, muitas vezes é melhor utilizar luz artificial do que luz natural para obter resultados mais consistentes. A luz do dia pode mudar de intensidade e temperatura da cor durante o período de tempo que leva a gravar um time-lapse. Embora esta mudança possa ser impercetível aos olhos enquanto fotografa, a mesma irá criar uma intermitência percetível no filme final. Um candeeiro de secretária é ótimo para motivos em pequena escala, sobretudo quando a luz é suavizada com uma folha de material difusor.
Um candeeiro de secretária brilha através de um pedaço de tecido de gaze fina, iluminando um gelado num prato.

Se estiver a fazer um time-lapse de um objeto no interior, a luz artificial pode ajudar a garantir uma iluminação consistente ao longo da duração da sessão.

O temporizador de intervalo ou o modo de filme time-lapse pode ser ativado no menu de disparo vermelho de uma câmara EOS que ofereça qualquer uma destas funções. Algumas câmaras têm ambas as opções, mas terá de definir a câmara para o modo vídeo para aceder à opção de filme time-lapse – como mostrado aqui com a EOS 250D.
Uma Canon EOS 250D a ser configurada para o modo de filme.

Configure a sua câmara EOS para o modo de filme.

Um dedo do utilizador a selecionar o modo de filme time-lapse no ecrã tátil de ângulo variável de uma câmara Canon.

Selecionar o modo de filme time-lapse.

Algumas câmaras EOS oferecem-lhe uma seleção de opções de cena predefinidas no menu de filme time-lapse. Estas são otimizadas para diferentes tipos de motivos, tais como pessoas a caminhar ou nuvens em movimento lento. No entanto, para um controlo total sobre as definições de time-lapse, escolha a opção personalizada. Aqui pode definir o intervalo entre cada fotografia e o número total de fotografias que irão compor o time-lapse final. Estas opções determinam o tempo necessário para registar as imagens e a duração do time-lapse final, e verá estas alterações no ecrã à medida que ajusta os parâmetros.
O ecrã de definições personalizadas do filme time-lapse.

Para um controlo completo do seu vídeo de time-lapse, selecione a opção de personalizar para então escolher a duração do intervalo entre cada disparo e o número total de disparos a serem efetuados.

Selecione um intervalo de acordo com a velocidade do movimento que está a tentar captar. Se a ação acontecer num curto espaço de tempo, tal como a sua família a jogar um jogo ou a preparar uma refeição, então poderá ter de definir apenas um curto intervalo de apenas alguns segundos ou semelhante, de modo a criar uma sequência suave. Com movimentos mais lentos, como o nascer e o pôr do sol e da lua, pode escolher um intervalo mais longo. A alteração do intervalo fará com que o tempo de gravação aumente ou diminua.
As definições de intervalo de filme time-lapse no ecrã LCD de uma Canon EOS 250D.

Para captar uma ação mais rápida, selecione um intervalo curto entre disparos. Para captar eventos mais lentos, como um pôr do sol, selecione um intervalo de tempo mais longo.

O número de fotografias que tirar determinará por quanto tempo o time-lapse final será reproduzido, de acordo com a taxa de fotogramas do seu vídeo. Por exemplo, se estiver a fotografar um filme time-lapse 4K de 25 fps, então cada segundo do seu vídeo necessitará de 25 fotografias individuais. Isto significa que terá de fotografar 500 imagens para criar um filme time-lapse de 20 segundos. A alteração do número de fotografias afetará tanto o tempo de gravação como o tempo de reprodução – e ditará quanto espaço precisa no cartão de memória.
Um ecrã de definições de vídeo com time-lapse que mostra que 300 disparos tirados com um intervalo de 10 segundos demoram pouco menos de 50 minutos a captar e duram 12 segundos ao reproduzir.

O número de disparos no seu time-lapse, combinado com a taxa de fotogramas do seu vídeo, determinará o tempo de reprodução da sequência de time-lapse. Um maior número de disparos demorará naturalmente mais tempo a captar e também resultará numa sequência mais longa ao reproduzir.

Configurar a opção de filme time-lapse para emitir um aviso sonoro depois de cada imagem ser captada.

Pode opcionalmente configurar a câmara para emitir um aviso sonoro depois de cada disparo, fazendo com que seja mais fácil para si saber quando a sequência de captação terminou.

O modo de filme time-lapse dispõe de opções de controlo adicionais, como um aviso sonoro após cada disparo. Isto é útil se a sua câmara estiver numa sala diferente, pois saberá quando a sequência estiver terminada.

É uma boa ideia definir manualmente o maior número possível de parâmetros de disparo, para que o filme time-lapse tenha um aspeto consistente do início ao fim. Se, por exemplo, sair da opção de estilos de imagem e do equilíbrio de brancos definidos para Auto, a câmara poderá ajustar as definições para alguns disparos.
O ecrã de ângulo variável de uma Canon EOS 250D a apresentar as definições escolhidas para fotografar em time-lapse.

Para garantir que a câmara não altera automaticamente a exposição, o equilíbrio de brancos ou outras definições em resposta a pequenas alterações nas condições durante o disparo, defina manualmente o maior número possível de parâmetros de disparo.

Pode divertir-se muito com o time-lapse, onde quer que esteja. Como em todos os projetos fotográficos, faz sentido dominar primeiro os princípios básicos antes de avançar para motivos mais desafiantes. Porque não pegar na sua câmara agora e começar a registar o movimento fora da sua janela? Ou então, instale um tripé na cozinha da próxima vez que cozinhar uma refeição e grave à medida que tudo se desenrola. A melhor coisa sobre o time-lapse é que é fácil de aprender e gratificante de dominar. Antes de se aperceber, estará a olhar para motivos do dia a dia de uma forma nova e criativa.


Escrito por Marcus Hawkins

Artigos relacionados

  • A time stack image showing a tulip blooming.

    FOTOGRAFIA TIME-LAPSE

    Como fotografar time stacks

    Veja como configurar um time-lapse do dia para a noite e crie um time stack deslumbrante que mostra a passagem do tempo numa única imagem.

  • FOTOGRAFIA DE INTERIORES

    Três ideias de fotografia de interiores para ser criativo em casa

    Ficar em casa não significa que não pode ser criativo. Conheça a sua câmara e aprenda a captar retratos cinematográficos, imagens macro e vídeos em time-lapse.

  • Trees reflect in a lake in Scotland with a mountain in the background

    FOTOGRAFIA DE PAISAGEM

    5 sugestões fantásticas para fotografar paisagens em time-lapse

    Dê vida às paisagens com estas sugestões fantásticas para fotografia em time-lapse.

  • FOTOGRAFIA TIME-LAPSE

    Sugestões para fotografia time-lapse

    Leia as nossas sugestões e veja o nosso tutorial em vídeo. Antes de se aperceber, estará a criar a sua própria obra-prima em time-lapse.